Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2008

Impostos consomem 148 dias de trabalho por ano :-(

Imagem
Parabéns, prezado Internauta. A partir de hoje, 27 de maio, todo o esforço que você faz trabalhando passará a ir para o seu bolso, e não para os cofres do Governo. De acordo com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), o pagamento de impostos consome, em média, 148 dias de batente de cada trabalhador. O cálculo inclui impostos diretos, pagos ao Governo, e indiretos, embutidos em taxas de produtos e serviços consumidos.
Os números foram levantados para demonstrar a evolução do peso dos impostos no Brasil ao longo dos anos. Ainda segundo o IBPT, na década de 70, o pagamento equivalia a 76 dias trabalhados. Nos anos 80, o índice passou para 77 dias e, nos anos 90, para 102 dias. O número não para de subir.
Com base na alta taxa de impostos, organizações ricas como a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) defendem o corte nos gastos públicos como a principal medida para que os tributos sejam reduzidos sem que …

USP é a melhor da América Latina

Imagem
Durante os 50 dias de ocupação da reitoria da Universidade de São Paulo (USP),
os estudantes tomaram conta não só da sede administrativa de uma das maiores universidades do País, mas também de uma das instituições mais prestigiadas do mundo.
Na classificação mais recente feita pelo Instituto de Altos Estudos da Universidade Xangai Jiao Tong, na China, a USP aparece em 134º lugar entre 500 instituições internacionais.
Há só universidades americanas, inglesas e canadenses mais bem posicionadas que a USP. A brasileira ganha das latino-americanas, espanholas, chinesas e sul-coreanas.
O ranking de Xangai, segundo especialistas, é um dos mais respeitados atualmente quando se fala em produção científica das instituições. A mais bem qualificada é a Universidade Harvard, nos Estados Unidos, com pesquisadores que venceram 43 vezes o Prêmio Nobel.
A premiação é um dos critérios para ganhar pontos no ranking, assim como o número de artigos de pesquisadores publicados em revistas científicas, como Natu…

120 anos da abolição da escravidão no Brasil

Há exatamente 120 anos, também num 13 de maio, em 1888, foi assinada a Lei Áurea – um marco da conquista dos negros no Brasil. Uma das leis mais curtas já feitas no país, com apenas dois artigos, ela estabelecia que: "Lei 3.353 de 13 de Maio de 1888 Declara Extinta A Escravidão no Brasil.A Princesa Imperial Regente, em nome de Sua Magestade o Imperador, o senhor D. Pedro II faz saber a todos os súditos do Império que a Assembléia Geral decretou e Ela sancionou a Lei seguinte: Art 1o - É declarada extinta desde a data desta lei a escravidão no Brasil.
Art 2o - Revogam-se as disposições em contrário. "Dada no palácio do Rio de Janeiro, em 13 de Maio de 1888, 67 da Independência e do Império. Princesa Regente Imperial - Rodrigo Augusto da Silva. Desde 1 hora da tarde de anteontem começou a afluir no Arsenal da Marinha da corte grande número de senhoras e cavalheiros que ali iam esperar a chegada de Sua Alteza a Princesa Imperial Regente. As 2 horas e ¾ da tarde chegou a galeota …

Isabella, Perdoa-nos!

Imagem
Isabella, Perdoa-nos!

Gente adulta pode ser má,muito má.
Você,Isabella,soube disso
de uma forma muito dura
Esganaram seu pescocinho.
Arremessaram seu corpo frágil
do sexto andar do seu apartamento.
Você deve ter sentido dores terríveis
Sofrido os piores minutos de pavor e agonia
Até que seus olhinhos,estatelados deixaram de ver este mundo
Isabella,pedimos o seu perdão porque nós,adultos,criamos leis que beneficiam criminosos
A lei brasileira presume a inocência de um assassino,mesmo diante de evidencias razoáveis de culpa
Porém,essa mesma lei não vê a inocência de uma criança
Adultos brasileiros,Isabelinha
têm o costume de ficar parados, assistindo às crianças morrerem
Com isso, no Brasil,dezesseis vítimas infantis
são assassinadas todos os dias.
E o povo brasileiro não faz nada!

Escrito por Evandro Pelarin–Juiz de Direito da Infância e Juventude de Fernandópolis–SP

História do Papel

Os primeiros traços de hominídeos encontrados datam de aproximadamente quatro milhões de anos atrás. Tudo começou com Lucy, um fóssil de aproximadamente um metro de altura que apesar de se parecer mais com um macaco do que com o homem moderno, já caminhava ereto e tinha os polegares das mãos adaptados para segurar objetos.A evolução do homem prosseguiu, mas é interessante ressaltar que nesses quase quatro milhões de anos que se passaram o homem continuou praticamente igual aos primeiros hominídeos, vivendo primitivamente em bandos nômades, morando em cavernas ou mesmo dormindo ao relento.Apesar de o homem desenvolver a palavra, não havia registro gráfico do pensamento e dos fatos. Toda a experiência que um homem da pré-história acumulava na vida se perdia quando ele morria.Há pouco menos de dez mil anos atrás, as primeiras formas de escrita começaram a ser desenvolvidas. Já era possível registrar as experiências e passá-las aos descendentes, fazendo assim, com que o conhecimento não s…